Valores

Tratamento de estrabismo infantil

Tratamento de estrabismo infantil


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Estrabismo não se corrige nem com o tempo. Deve ser tratada com ajuda e orientação médica para evitar perda de visão em um dos olhos. O tratamento é mais eficaz quando é iniciado precocemente, portanto, o diagnóstico precoce é a medida mais eficaz para tratá-lo. Após os 7 anos de idade, as chances de correção são mais lentas e menos eficazes. Portanto, é muito importante que pais e pediatras e educadores estejam atentos e observem sempre os movimentos dos olhos das crianças para detectar qualquer anormalidade.

No momento em que for detectado algum desvio dos olhos, recomenda-se que você vá ao especialista, pois um rápido controle da situação evitará a presença de ambliopia, e permitirá um melhor prognóstico funcional e estético.

Tratamento de estrabismo é altamente variável e longo, mas eficaz na maioria dos casos. Será preciso persistência, paciência e perseverança por parte dos pais e familiares, para conseguir transmitir tranquilidade à criança e alcançar um melhor resultado. Dependendo do grau de estrabismo da criança, o tratamento pode ser apenas médico, e em casos mais avançados requer uma correção cirúrgica.

- Tratamento médico Baseia-se na utilização de correção óptica, óculos, oclusões com remendos, exercícios musculares, óculos especiais, com o objetivo de recuperar a visão do olho preguiçoso e melhorar a ação, a capacidade e a movimentação dos músculos.

- Tratamento cirúrgico É aplicado quando o tratamento médico não é suficiente e os olhos persistem com seu desvio. Este tratamento consiste em encurtar, alongar ou alterar efetivamente a posição de um ou mais músculos oculares, permitindo o correto alinhamento de ambos os olhos. Também fortalece os músculos dos olhos, um ou ambos. Às vezes, pode ser feito sem a necessidade de internação e anestesia geral. No entanto, o oftalmologista ou oftalmologista do seu filho irá informá-lo sobre todo o processo.

Por outro lado, há também a alternativa do uso de medicamentos como a toxina botulínica, mas somente sob orientação e prescrição médica.

O estrabismo afeta de 3 a 5 por cento de todas as crianças (ambos os sexos são afetados igualmente) e geralmente há algum histórico familiar. Quanto mais cedo o estrabismo for detectado, maiores serão as chances de correção para o bebê e a família. O estrabismo funcional em recém-nascidos geralmente remite entre o quarto mês e o sexo. Porém, recomenda-se que quando o bebê estiver em torno de quatro meses, seja conveniente que seja feita uma observação seguida dos movimentos dos olhos.

Para fazer essa observação, você pode segurar um brinquedo a 30 centímetros do rosto e movê-lo de um lado para o outro. Verifique se os olhos do bebê se movem juntos a cada mudança de movimento. Se você suspeitar que não é assim e que há desvio do paralelismo dos olhos, consulte o pediatra do bebê. Só ele pode dar um diagnóstico mais preciso.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Tratamento de estrabismo infantil, na categoria Visão in loco.


Vídeo: TRATAMENTO PARA O ESTRABISMO INFANTIL. Criança de dois anos (Janeiro 2023).